quarta-feira, fevereiro 06, 2013

reborn

Nestes dias a fada morreu (mais) um bocadinho.
Entre respirar fundo com um nó na garganta e a árdua tarefa de começar lentamente a encerrar portas, alguém muito especial teve o gesto supremo de me levar a usufruir um tratamento com a capacidade de proporcionar efeitos positivos imediatos.
Ontem, pela primeira vez em um ano e meio, passei longos momentos em frente ao mar, a absorver o cheiro do oceano e o calor do sol.
Passadas algumas horas não resisti, despi os collants, descalcei os sapatinhos e, enfiada em roupas de lã, entrei na água. Durante infinitos minutos, momentary bliss foi tudo o que senti.
Por mim, ainda agora lá estaria. Mesmo enregelada até aos ossos e com a bainha do vestido encharcada.

Etiquetas:

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Mais recente›  ‹Mais antiga