domingo, maio 05, 2013

mob attack

Momento do dia:
Ao atravessar a Praça da Figueira debaixo de um sol impiedoso, e a arrastar pela calçada uma cadela de língua de fora, de repente reparo num grupo de gente a gritar e a esbracejar freneticamente do outro lado da rua.
Curiosamente, por instantes, tive a sensação que chamavam por nós. Momentos depois pensei que estava a sofrer de uma miragem quando, completamente encandeada pela luz, vi – de olhos semi-cerrados – o recorte difuso de uma multidão a correr na nossa direcção.
São zombies! foi a primeira coisa que me ocorreu. 
Sem perceber como, em poucos segundos ficámos cercadas por uma mob efusiva, com muitos papéis e mapas nas mãos, todos a debitarem uma língua impossível de decifrar. 
Finalmente um rapazito chegou-se à frente e, num inglês extremamente deficiente, conseguiu explicar o que grupo tinha como prioridade máxima: tirar fotografias com "um cão"...
Anuí, e os momentos seguintes resumiram-se a uma cadela desorientada, com o sol, com o calor, com a confusão de um bando de miúdas histéricas que lutavam pela sua atenção e – com sorte – a hipótese de um instante em pose stylish, para o click. Fui testemunha do processo, e tenho a dizer que não foi pacífico. Pobre Milú...
Com grande dificuldade lá percebi que esta malta andava a percorrer a cidade numa espécie de rally-paper, e que a boa da Milú lhes garantiu o passaporte para um dos quest requeridos.
Quando por fim seguimos caminho, fiquei a ponderar – não muito tranquila – sobre as estratégias a que os operadores chegam, para manterem entretidas as hordas de turistas que invadem esta cidade. 
E se os mandassem pastar cangurus? Não seria uma excelente ideia?

Etiquetas: ,

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Mais recente›  ‹Mais antiga