quinta-feira, abril 19, 2007

perfume de la saison



Agora, sim! Já cheira a Primavera! :D
(A Pepsi Cola destina-se unicamente a adubar as flores...)

Etiquetas:

10 Comments:

Anonymous Le Rachelet said...

Também lhe reconheço propriedades inigualáveis a desentupir canos - em parte, um forte motivador para deixar de beber coca-cola. Se derrete tudo aquilo, o que fará à minha tripinha indefesa?

abril 19, 2007 10:07 da manhã  
Blogger a lice said...

Cheira sim senhora, e ainda bem que assim é!:)

**

abril 19, 2007 12:02 da tarde  
Blogger dora said...

mas afinal para onde é que o sr está a olhar?

abril 19, 2007 12:41 da tarde  
Blogger Dakini said...

Para mim, que não tomo café, a PepsiCola serve para acordar. :)

abril 19, 2007 1:08 da tarde  
Blogger Cordonbleu said...

Pois eu adubo as plantas com adubo e a Pepsi serve para diluir o rum nas noites em que me apetece beber menos um pouco ;)

abril 19, 2007 2:26 da tarde  
Blogger Mimi said...

Já eu, acho a Pepsi Coisa muito doce. Mas de vez em quando, adoro beber uma Coca Cola em jejum, de "manhã"... mas não abuso deste processo porque acho que de cada vez que o faço, roubo-me 6 meses de vida.. :P

abril 19, 2007 3:56 da tarde  
Blogger eli said...

pepsi para adubar flores???? credo, coitadas!! mas resulta?? ;)
**

abril 19, 2007 6:00 da tarde  
Blogger Mimi said...

Está a chover!!!!
Estarei triste? Estarei contente?

*suspiro*...

abril 20, 2007 12:29 da tarde  
Anonymous p said...

"
Lá fora está chovendo
Mas assim mesmo
Eu vou correndo
Só pra ver o meu amor
Pois ela vem toda de branco
Toda molhada, linda e despenteada
Que maravilha
Que coisa linda
Que é o meu amor
Por entre bancários,
Jato, móveis, ruas e avenidas
Milhões de buzinas
Tocando minha harmonia sem cessar
E ela vem chegando de branco
Meiga, pura, linda e muito tímida
Com a chuva molhando
Seu corpo lindo que eu vou abraçar
E a gente no meio da rua
Do mundo, no meio da chuva
A girar, que maravilha
A girar
Chove chuva, chove sem parar
Chove chuva, chove sem parar
Pois eu vou fazer uma prece
Pra Deus, Nosso Senhor
Pra chuva parar de molhar
O meu divino amor
Que é muito lindo
É mais que o infinito
É puro e é belo
Inocente como a flor
Por favor, chuva ruim
Não molhe mais o meu amor assim
Por favor, chuva ruim
Não molhe mais o meu amor assim
Chove chuva, chove sem parar
Chove chuva, chove sem parar

Mais que nada
Sai da minha frente
que eu quero passar
Pois o samba está animado
e o que eu quero é dançar
Este samba é misto de maracatu
É samba de preto velho
Samba de preto to
Mais que nada
Um samba como este tão legal
Você não vai querer
Que ele chegue no final
"


O Jorge Ben é que sabe

abril 20, 2007 3:10 da tarde  
Blogger Carecone said...

...E que ruiva! =D
Beijão.

abril 21, 2007 2:00 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Mais recente›  ‹Mais antiga