sábado, abril 21, 2007

abril águas mil


Não há nada a fazer. Vistam-se "à Verão" se quiserem mas, por favor, não se esqueçam do guarda-chuva...
Perante os dilúvios das últimas horas,
nem sequer vou comentar o meu post anterior :(
Nunca mais aprendo a não falar antes do tempo porque sou sempre arrebatada pelo entusiasmo precoce. E esta é também uma reacção sintomática do nosso povo!
Senão, expliquem-me um fenómeno que ano após ano observo – estupefacta – e que para mim é um total absurdo: bastam uns pálidos raios de sol brilharem e já todas as meninas pimpantes desta cidade se descascam, tal qual pevides torradas. Eu sei que está calor, calorzinho, que o sol sabe bem na pele, que a energia anímica sobe de níveis, mas não acham um exagero?
Fala-vos uma friorenta crónica, mas penso que há um tempo (literalmente) para tudo. Não ficam com pele de galinha? Não apanham pneumonias? Não vos dói a garganta? São imunes às amplitudes térmicas e aos vendavais? Só lá para Junho, é que costumo ter a coragem de arrancar os collants, confesso, às vezes não tanto pelo "frio" mas mais pela vergonha em mostrar a cor da pele...
Bom, t-shirts de algodão de 80 gr, singelas blusinhas de alças, até vestidos "tripinha" cai-cai (!!!!), pernas ao léu, sandálias, e um sem fim de chinelos de borracha (sim, chamem-lhes flip-flops ou havaianas, mas para mim serão sempre reles chanatos), foi tudo o que eu vi nestes incertos dias primaveris. Talvez seja demasiado púdica, mas não me ponho nestes preparos, nem no mais tórrido Agosto, feliz a caminho da praia (ou quase).
Tecia a fada estas considerações ao observar a paisagem das ruas de Lisboa, sentada no eléctrico, muito compostinha, enquanto estoicamente arfava e suava dentro do seu casaquinho de malha. De lã...
Devo estar velha.

Etiquetas:

7 Comments:

Blogger eli said...

hoje já está solinho outra vez ;)
quando quiseres visita a minha faculdade e aí é que vês o pessoal todo como se estivessemos em pleno agosto a vegetar na esplanda com todas as partes do copo branco à mostra ;)
um beijinho e dias quentinhos virão.

abril 21, 2007 11:16 da manhã  
Blogger LK said...

ai fadinha tens toda a razão! as pessoas vêm um raiozinho despem-se logo, e se visses aqui na linha, as praias cheias (!!!) a apanharem este sol que faz tão bem e a banharem-se enfim, hoje o calor voltou em peso, já estou a imaginar as praias de novo cheias. Enfim, não sou grande adepta do calor nem das praias, axo que deveriam aproveitar o sol para outros entretenimentos do que estar com o pernil esticado na praia.

***:)

abril 21, 2007 1:02 da tarde  
Blogger Carecone said...

Por cá já me ocorre o contrário, a observar as pessoas desta 'cité du Sauveteur', aos primeiros indícios de uma chuvinha reles e passageira a encebolarem-se em camadas de mangas compridas e agasalhos que por aqui chamam de "moleton", jauqetas e tudo o mais! E eu, ali, suando às bicas, em ônibus totalmente fechados, pois sim, aqui todos são feitos de sal ou açucar e ao primeiro pingo encerram-se. Ainda não perceberam, por aqui, a diferença entre chuva e frio e que, nesta cidade essas duas variáveis climáticas não andam juntas constantemente! Ugh Dona Fadinha, Ugh! Eu não sou friorento, não sou calorento... eu sou... eu sou... UM RECLAMÃO! hahaha! Beijos ebom final de semana!

abril 21, 2007 7:52 da tarde  
Blogger Blondie said...

Então também estou a ficar velha!!
Tal como a LK, acho que outras coisas poderiam ser feitas nestes dias maravilhosos do que ir a correr para a praia! Note-se que eu sou uma amante de praia (até seria mais se o meu tom de pele ajudasse), no entanto acho que ainda é muito cedo para isso.
beijocas

abril 21, 2007 11:59 da tarde  
Blogger fada*do*lar said...

Não me percebam mal...
Eu ADORO o sol, o verão, o calor!!!
Estou mais do que desejosa de vestir os meus vestidinhos leves e pôr os dedos dos pés de fora.
E mesmo nestes dias variáveis estar na esplanada, ou na relva ou em qualquer ponto da cidade a usufruir do bom tempo, é compreensível (e desejável) pôr um pouco do corpinho cá fora. E bom, para os radicais que já vão à praia, também não recomendo o uso de gola alta, eheheheheh.
Mas no dia-a-dia, e principalmente À NOITE, no meio da cidade, acho um exagero. Eu não consigo! Morro de frio...

Carecone,
Na transição do Verão para o Outono por cá acontece exactamente a mesma coisa, o que também me deixa com os cabelos em pé. O bom tempo geralmente dura até finais de Outubro, mas as meninas que terminaram as férias em Agosto, regressam à cidade e ao trabalho em Setembro já dentro de calças, blusões e com RIDÍCULAS botas, como se aproximasse um nevão!

É o que eu digo, um absurdo! Cada coisa a seu tempo. Temos que seguir os disparates da moda e das estratégias das lojas de roupa?
A partir de Janeiro podemos comprar biquinis e chinelos e em Agosto só temos sobretudos de lã e cachecóis para escolher?
Estou velha...

abril 22, 2007 12:51 da manhã  
Blogger patrícia said...

Olá Fada,

Olha arranjei-te mais um joguinho para te distraires nos dias de chuva (ou de sol), hehehe.

Boa sorte e a idade é "coisa mental"!!

xxx mouse

abril 22, 2007 10:56 da tarde  
Anonymous Vestidos de fiesta said...

Buy buen artículo.

maio 16, 2007 8:58 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Mais recente›  ‹Mais antiga