sábado, abril 22, 2006

a arte do pop

A fadinha anda um bocadinho zombie e escapou-lhe...

HOJE

a partir das 23h30
no Cabaret Maxime
Pop dell' Arte
Incontornáveis!

Pós-concerto:
Ainda bem que me consegui arrastar, ainda bem que consegui ir. Fui recompensada.
Falhei o concerto no Lux, mas este valeu pelos anos de intervalo e de hiato Pop dell'Arte. Num local único, uma prestação única. Como todas as que já deram, mas cada vez melhor.
Classificação: 5 estrelas. Voltem sempre!

(Em 1999, se a memória não me falha, tive a oportunidade de organizar um concerto dos Pop dell'Arte no Lux. Não foi tarefa fácil mas à 2ª grande festa da recém inaugurada discoteca, compareceram 3000 pessoas para o emocionante "regresso" desta banda. E foi mesmo emocinante assistir à prestação de João Peste, feita de sangue, lágrimas e suor, e no final pôr-lhe nas mãos um ramos de flores que escolhi e arranjei. Emoções sim e também metáforas. Ele merece.)

Etiquetas: ,

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Mais recente›  ‹Mais antiga