sexta-feira, outubro 19, 2012

nobody loves me

É triste. Meter a chave à porta, feliz e ansiosa pelo regresso ao doce lar, e não ser recebida de braços (patas) abertos, mas ser remetida a um cruel silence treatment, ignorada e desprezada pela única criatura de quem posso ter a arrogância de esperar sempre, amor, afecto e atenção incondicional. :(
Mas — mais uma vez – não a posso censurar. Durante o último mês mal estive em casa e deixei este tufo de pêlo a quem devo um compromisso para a vida, horas, dias a fio, só e abandonada. Novamente, dói mais a mim do que a ela, mas se não dou o corpinho ao manifesto, quem ganha para comprar ração e biscoitos?...
Vou ter finalmente o luxo de poder gozar um fim-de-semana sem trabalhar (!!!). 
Anda cá Milú Maria! Anda cá à dona, que vais ter direito a 2 dias inteiros de barriga coçada! :D
(e depois mereço pelo menos uma lambidela, não?)  

Etiquetas: ,

2 Comments:

Blogger eli said...

oh coitadinha da milu :( espero que lhe tenhas dado muitos miminhos. *

outubro 23, 2012 10:24 da tarde  
Blogger fada*do*lar said...

Dei, dei, dei!
Juro que dei!
Muitos, muitos, muitos, muitos, mimos, festinhas e beijinhos :)

outubro 24, 2012 12:59 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Mais recente›  ‹Mais antiga