terça-feira, fevereiro 04, 2014

a umas malhas da felicidade

Aaah-ah! Eu sabia que bastava procurar só mais um bocadinho para encontrar a solução.
Ei-la: o homem ideal DIY! 
É só vantagens, não há como negar. Além de ser naturalmente fofinho, requer uma manutenção mínima. Vejamos, dia-sim dia-não vai à máquina, torce-se, estica-se e mete-se no estendal a secar. Em dias de festa – para impressionar os amigos –, dá-se um arzinho de ferro, et voilà!
Tão simples, é desta que vou ser feliz!

Etiquetas:

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Mais recente›  ‹Mais antiga