terça-feira, fevereiro 06, 2007

babel



Mais uma vez, a arte está no equilíbrio.
O que seria a vida sem os meus tupperwares?

Etiquetas: ,

8 Comments:

Blogger Joalhinha said...

olha, não sei até que ponto vai a tua tara dos tupperwares, mas a minha está a tornar-se de tal maneira preocupante que já dou por mim a não querer entrar em lojas onde os ditos se vendam. Se não preciso tenho de inventar... E o mesmo vale para outros adereços de cozinha.
Cada vez pior... lol

fevereiro 06, 2007 2:46 da tarde  
Blogger mi said...

a vida sem tupperwares é verdadeiramente dramática, pelo menos a da minha mãe, que entra em stress quando lhe falta UM EXEMPLAR da sua adorada colecção, inquirindo acusadoramente toda a gente sobre o paradeiro do dito cujo.

e, quando levo comida para algum lado, ou para casa de alguém, lá vem a velha recomendação: "Não te esqueças de trazer os tupperwares de volta!"

espero que esta TARA por "plásticos" não se venha a revelar hereditária... :-D

fevereiro 06, 2007 6:24 da tarde  
Blogger Moskki said...

Eu tenho um problema....
Quando chega a altura de usar os tupers...Ando sempre à procura das respectivas tampas....

É dramático....

Não gosto de os deixar tapadossss...Cada um com a sua mania....Eu tenho uma amiga que a estender a roupa tem que coincidir as cores das molas!!!!

Por isso não estou muito mal!

fevereiro 06, 2007 9:15 da tarde  
Blogger fada*do*lar said...

Meninas,
Eu assumo completamente a minha PANCA!
I'm a tupperware maniac!!!
Já não sei onde guardá-los, e sim... volta e meia lá tenho que comprar mais um item para a colecção.
Se perder um falso tupperware não me importo nada, mas com os verdadeiros, fico com o coração nas mãos se algum fica em casa alheia!

Eeeerr... Moskki,
Também não os guardo fechados, por isso o drama das tampas é uma realidade que partilho (e o estender roupa com molas ton-sur-ton... também!) %-\

fevereiro 06, 2007 9:24 da tarde  
Blogger LK said...

aiii que saudades das reuniões da tupperware que a mamã fazia em casa

***

fevereiro 06, 2007 10:13 da tarde  
Blogger eli said...

que verdadeiro equilibrio. não partilho da vossa tara, mas pelo enxoval que a minha mãe me teima em fazer, esses tupperwares não me vão faltar. cá em casa, o drama de não encontrar as tampas também existe...pelos vistos deve ser geral lool.
**

fevereiro 07, 2007 1:44 da tarde  
Blogger Joalhinha said...

Ainda há 2 dias comentava com a minha irmã que um dia alguém há de inventar um sistema prático para a arrumação dos tuuperwares e das respectivas caixas. Alguém se chega à frente? É uma mina de ouro, de certeza...
Quanto à colecção, ultimamente o truque é mesmo trazer comida de sobra dos almoços de sábados em casa dos meus pais. E como a minha mãe tem uma tara maior que qualquer outra pessoa que conheço, não só não dá por falta deles, como nunca lhe fazem realmente falta... eheheh
Quando era pequena lembro-me de ela ter no porta chaves um (verdadeiro) tupperware em miniatura, suponho que que servisse para comprimidos ou coisa assim. Era lindo.

fevereiro 07, 2007 6:12 da tarde  
Blogger fada*do*lar said...

Lk,
A tua mamã fazia Tupperwares Parties??? Que lindo!!!
Já fiz uma em minha casa, foi um evento memorável apesar da nossa hostess ter sido uma senhora velha, feia e má!
Eheheheheh, ando a tomar coragem para um dia destes repetir a graça. Mas precisamos de novas, jeitosas e simpáticas "apresentadoras".
Conheces alguma? eheheheheh

********************
Eli,
Não te faças rogada!
Aceita todas as caixinhas que a tua mãe te oferecer. E faz questão que sejam Tupperware ©trademark :-)
É que duram MESMO uma vida!
A maioria dos meus eram da colecção da minha mãe, têm 40 anos e estão para dar e durar.

********************
Joalhinha,
Lembro-me tão bem desses porta-chaves! :-D
Com a forma das caixinhas redondas que parecem um ovni, em cores pastel...

fevereiro 08, 2007 2:00 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Mais recente›  ‹Mais antiga